UBInforma
  ed. 528 | 22 a 29 abril 2017   notas culturais
 

Em destaque
agendaUBI
Notas Culturais
Arquivo UBInforma

 


SÁBADO | 22-abr

Exposição | Museu Martins Correia visita Castelo Branco
Castelo Branco: Antigo Edifício dos CTT | Inauguração: 17h00 | patente até 28 de maio | 3ª > Domingo: 14h00 > 19h00
Entrada livre
A exposição está estruturada em cinco áreas temáticas, que cobrem de uma forma abrangente a produção artística do Mestre e autor da estátua de João Rodrigues – Amato Lusitano, icónico ponto de referência em Castelo Branco. O Museu Martins Correia visita Castelo Branco, é uma organização da Câmara Municipal de Castelo Branco, em colaboração com o Museu Municipal Martins Correia e o Município da Golegã. A mostra é comissariada pela crítica de arte Maria João Fernandes (Associação Internacional de Críticos de Arte), responsável pelas mostras inaugurais da Fundação de Serralves.


DOMINGO | 23-abr

MÚSICA | “La Renaissance”
Castelo Branco: Museu Francisco Tavares de Proença Júnior | 16h00
Entrada livre
O Projeto “La Renaissance” tem por base a música profana dos séculos XIV ao XVII, e pretende recriar o ambiente musical da época, seja na sua vertente palaciana seja na popular. Muitos foram os compositores que escreveram para vozes, marcando assim o início e desenvolvimento da polifonia, sendo por isso o projeto realizado pelo Coro Misto da Beira Interior e dando voz a compositores como Arbeau, Du ay, Gabrieli, Arcadelt, Pierre Certon entre outros e sem esquecer os portugueses Pedro Escobar, Estevão de Brito ou mesmo o rei D. João IV também ele compositor. De modo a recriar o ambiente vigente naqueles séculos, todo o Coro, constituído por 25 elementos, estará vestido à época, e acompanhado por instrumentos dessa altura como Percussão, Flauta Doce, Viola da Gamba e Alaúde. Todas as obras serão apresentadas e explicadas de modo a que o concerto seja também, para além de um tempo de lazer, uma fonte de aprendizagem.

MÚSICA | “Até pensei que fosse minha”, António Zambujo
Castelo Branco: Cine-Teatro Avenida | 18h00
Entrada: 18€ | 15€ [Primeiros 100 Bilhetes Vendidos]
António Zambujo é um dos nomes incontornáveis da música portuguesa actual, na medida em que soube construir uma identidade própria que lhe tem valido o reconhecimento tanto do público como da crítica, somando salas esgotadas dentro e fora de Portugal e vários prémios, nomeadamente a Comenda da Ordem do Infante D. Henrique, atribuída pela Presidência da República, em 2015 - um título que distingue aqueles que prestam serviços relevantes a Portugal, dentro e fora do país, contribuindo para a divulgação da cultura portuguesa, da sua história e dos seus valores.
O espetáculo tem por base o sétimo disco, “Até Pensei Que Fosse Minha” (Outubro de 2016). Uma homenagem em forma de disco exclusivamente composto por canções de Chico Buarque e gravado no Brasil sob a alçada do próprio mestre da música popular brasileira, que chega a colaborar com António Zambujo num dos temas, “Joana Francesa”.
O álbum é agora apresentado ao vivo em Portugal, após a estreia deste espectáculo no Brasil, com concertos em São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre. António Zambujo não será diferente daquilo que sempre é, um cantor e músico de excelência, com uma capacidade única de cativar o público.


TERÇA | 25-abr

MÚSICA | “Moura”, Ana Moura
Guarda: Teatro Municipal da Guarda | 21h30 | segundo espetáculo dia 26
Entrada: 10€ [Esgotado] 
O 12.º aniversário do Teatro Municipal da Guarda fica marcado pelo espetáculo da Ana Moura, considerada uma das mais prestigiadas vozes do fado do panorama musical nacional, com forte projeção internacional. Ana Moura é a expressão definitiva da arte de estar num palco em toda a sua plenitude: com total entrega, com total amor pelo seu público, com total despojamento próprio de uma cantora humilde e de inquestionável qualidade artística.


QUINTA | 27-abr

MÚSICA | LES SAINT ARMAND
Guarda: Teatro Municipal da Guarda | 22h00
Entrada Livre
Os Les Saint Armand são uma banda formada no Porto, em 2007. Têm nome francês, mas compõem, escrevem e cantam em português. Assim celebram a vida. A sua música tem o carácter da música acústica, do folk e da canção de autor (coral), sendo reconhecida pela importância atribuída à palavra nas suas letras e pelas harmonias. É sempre difícil tentar atribuir-lhes um género específico no panorama musical português atual, dadas as inúmeras influencias transversais (jazz, rock, pop, bossa nova) presentes nas suas músicas. Os seus concertos têm uma aura jovem e empática com os mais diversos tipos de públicos, associada ao facto de vários dos elementos serem atores profissionais, enquanto outros provêm do jazz. Lançaram o seu primeiro EP oficial – “Nó” - a 5 de Novembro de 2016 numa edição de autor. Nomeado em duas listas de melhor EP/Single 2016, o single “Nó” esteve em 1º lugar no top da RUM durante várias semanas consecutivas. Foram ainda patenteados pela Time Out - Porto como um dos projetos a seguir em 2017 e preparam novo álbum de longa-duração para o início de 2018.


| Continua

EXPOSIÇÃO | “Cruces Fidei – Territórios do Sagrado – Concelho do Fundão”
Fundão: Capela do Espírito Santo | Visitas por marcação | até 22 de abril
 A exposição resulta de um levantamento realizado pelo Museu Arqueológico Municipal José Monteiro sobre as realidades patrimoniais religiosas presentes em todas as freguesias do concelho, os cruzeiros e os calvários, e assume-se igualmente como um momento de releitura histórica da Capela do Espírito Santo, um dos principais focos religiosos da paisagem do sagrado do Fundão.
Apresenta também um registo fotográfico de Pedro Mendonça e estará exposta até dia 22 de abril, e pode ser visitada mediante marcação prévia através dos contatos 275 774 581 ou 961 941 287.
As visitas serão orientadas por um técnico do Museu Arqueológico Municipal José Monteiro.

EXPOSIÇÃO | Fotografia 3D: “A Montanha e do Sagrado”
Covilhã: Centro Interpretativo da Cereja – Ferro | até 28 de abril
Exposição de fotografia 3D composta por imagens de símbolos religiosos na Serra da Estrela (cruzes, capelas, santos e esculturas, entre outros).
A exposição tem um caracter inovador, que permite ao visitante uma experiência diferente através da fotografia tridimensional com recurso a óculos específicos. 

EXPOSIÇÃO | “Figurado de Estremoz”, por Jorge da Conceição
Covilhã: Museu de Arte Sacra | até 30 de abril | 3.ª > domingo, 10h00 > 18h00
Exposição de figuras tradicionais, imagens religiosas e presépios, da autoria de Jorge da Conceição.

Exposição | Escultura: “Homens e Deuses”, de Jorge Curval
Covilhã: Jardim do Museu do Arte Sacra | até 30 de abril
As peças em exibição são da autoria de Jorge Curval, conceituado artista plástico internacional, detentor de inúmeras distinções, que se apresenta na Covilhã pela primeira vez com peças em cortiça de dimensão considerável.

EXPOSIÇÃO | “Sonhos”, de Anna Duarte
Covilhã: Tinturaria - Galeria de Exposições | até 7 de maio | De terça-feira > domingo: 10h00 > 18h00
Entrada Livre
Com inspiração na artista russa Lora Zombie, as figuras chave desta exposição são as crianças. Anna Duarte tenta retratar de modo irónico alguns dos problemas da sociedade atual. Parte do lucro obtido com a venda de obras reverterá a favor da Casa do Menino Jesus.

EXPOSIÇÃO | “Cor, Luz e Atmosfera”, de Joaquim Cruz
Covilhã: Teatro Municipal | até 20 de maio
Mostra de aguarelas que retratam o quotidiano urbano do Grande Porto.

EXPOSIÇÃO | Pintura: “Olhar sobre o Choupal”, de Oscar Almeida
Fundão: Moagem – Cidade do Engenho e das Artes | até 28 de maio | 3.ª > domingo: 14h00 > 17h30
Entrada livre
A exposição inspirou-se na Mata do Choupal, pela sua história e riqueza em espécies florestais, para serem recolhidos elementos representativos, quer da própria Mata do Choupal, quer de outras zonas florestais existentes noutras regiões do país.
Da interpretação de elementos fotográficos, desenhos recolhidos localmente e apontamentos gráficos aguarelados, criou-se a série de trabalhos presentes na exposição.

 

 

 

 

 

 

 

 

Propriedade: Universidade da Beira Interior
Edição: Gabinete de Relações Públicas
Design: GRP | Raquel Rosa
Contactos: grp@ubi.pt | Telf.: 275 242 014 | Ext.: 2034

se desejar subscrever esta newsletter s.f.f. envie um e-mail para grp@ubi.pt com o assunto: subscrever a ubinforma